Home > Religião > Espiritismo > O Verdadeiro Livro dos Espíritos
O Verdadeiro Livro dos Espíritos
Em stock (últimas unidades)
€19.90
Envio gratuito para Portugal.
Entrega em 24h para encomendas pagas até às 15h, em Portugal continental.
Sinopse

Contendo os princípios da doutrina espírita sobre a imortalidade da alma, a natureza dos espíritos e as suas relações com os homens, as leis morais, a vida presente, a vida futura e o porvir da Humanidade.

Publicado pela primeira vez em 1857, este livro é a obra fundadora da doutrina espírita, tendo já inspirado milhões de leitores em todo o mundo e transformado a maneira como encaramos a morte e o Além. Ditado por seres espirituais de uma ordem mais elevada de existência, O Verdadeiro Livro dos Espíritos oferece preciosos ensinamentos sobre a natureza e a imortalidade da alma, as relações entre o plano espiritual e humano e o futuro da humanidade.

Esta edição apresenta uma nova tradução, da autoria de José e Maria da Conceição da Costa Brites, renomados espíritas que trabalham a partir dos textos originais, não modificados, de Allan Kardec.

ISBN: 9789896878382
Edição ou reimpressão: 2023
Editora: Pergaminho
Idioma: Português
Dimensões: 23,5 x 15 x 3 cm
Tipo de capa: Capa mole
Nº de páginas: 536
Tipo de produto: Livro
Peso: 784 g
Autor
Allan Kardec

Allan Kardec é o pseudônimo do fundador da Doutrina Espírita. Nascido em Lyon, na França, em 3 de outubro de 1804, com o nome de batismo Denizard Hippolyte Léon Rivail, pertencia a uma família católica que privilegiava a educação, a cultura, a ciência e a moralidade, tendo sido educado, portanto, sob uma atmosfera que facilitou a execução da obra missionária que lhe fora determinada pelo Alto: a de observar, organizar, estudar, sintetizar e compilar ensinamentos ditados pelos Espíritos Superiores, para a propagação das verdades morais sobre a Terra. Desde muito jovem, manifestou grande aptidão pelas áreas de educação e filosofia, o que foi confirmado durante os anos de estudo no instituto de educação suíço dirigido por Pestalozzi, célebre professor que imprimia ao seu sistema de educação a filosofia da austeridade e brandura, ao mesmo tempo. Com ele, Kardec adquiriu as bases sólidas da cultura humanística e pedagógica que possibilitaria mais tarde a edificação de suas obras como educador e, sobretudo, como missionário das novas revelações. “Não sou o inventor nem o criador de nada. Observei e estudei os fatos com cuidado e perseverança; ordenei-os e deduzi-lhes as consequências. Sou apenas um instrumento nas mãos da Providência, e dou graças a Deus e aos bons espíritos que se serviram de mim, o que aceitei com alegria. Esta será a obra de minha vida”, disse ele em relação à sublime tarefa da Codificação. Mas Kardec não trabalhou sozinho; contou com uma equipe de médiuns e colaboradores de boa vontade que o auxiliaram no criterioso método de análise e confirmação das mensagens direcionadas pelos espíritos. E é isso que assegura a legitimidade de suas obras, fazendo delas o farol reluzente em que todos devem guiar-se para evoluir moralmente e construir uma sociedade mais justa e fraterna, a fim de encontrar a felicidade eterna. Kardec desencarnou em 31 de março de 1869, aos 64 anos, em plena atividade literária, deixando publicadas cinco obras básicas, entre elas O Evangelho Segundo o Espiritismo, que pode ser considerada um verdadeiro guia de estudos enviado pelos espíritos benfeitores para a perfeita compreensão das lições ensinadas por Jesus Cristo.

Ver todos os títulos
Avaliações (0)
Ainda não foi efectuada nenhuma avaliação!