Home > Ocultismo > Corpus Hermeticum Graecum
-20%
Corpus Hermeticum Graecum
Em Stock
€26.72€33.40
Envio gratuito para Portugal.
Entrega em 24h para encomendas pagas até às 15h, em Portugal continental.
Sinopse

Prefácio, introdução, tradução e glossário grego-português de David Pessoa de Lira

Primeira tradução mundial diretamente do grego para a língua portuguesa, esta edição bilíngue do clássico Corpus Hermeticum, obra icônica da filosofia hermética, foi traduzida e organizada por David Pessoa de Lira, doutor em Teologia. Fruto de um trabalho minucioso de tradução em língua portuguesa que se aproxima do texto grego original de forma crítica e com rigor acadêmico, sendo voltada ao leigo interessado em filosofia, textos religiosos, estudos linguísticos clássicos e a todos os interessados em estudos relacionados à filosofia hermética. A atualidade de CORPUS HERMETICUM GRÆCUM se refaz ao longo dos séculos e seus significados tão instigantes continuam ganhando novas publicações em muitas partes do mundo.

ISBN: 9786557362600
Edição ou reimpressão: 2023
Editora: Cultrix
Idioma: Português
Dimensões: 23 x 16 x 1,7 cm
Tipo de capa: Capa mole
Nº de páginas: 336
Tipo de produto: Livro
Peso: 470 g
Autor
Hermes Trismegistos

Hermes Trismegistos e uma personagem mítica autoritativa, que reúne atributos do deus egípcio Thoth e do deus romano Hermes, sintetizando o sincretismo greco-egípcio no período romano do Egito antigo. Os atributos de Thoth e de Hermes são semelhantes aos de Hermes Trismegistos, mas só em parte, como a semelhança entre o epiteto duas vezes grande de Thoth e o Τρισμέγιτος, o três vezes grande de Hermes. No entanto, Hermes Trismegistos, como incide na literatura hermética, e uma personagem independente do Hermes ou do Mercúrio egípcios. Ele não pode ser confundido com um deus, tampouco advoga tal epiteto. Trata-se de uma personagem humana conceitual que passa por um processo de divinização, uma personagem arquetípica e imaginaria. Para aqueles que procuram o autor pragmático ou histórico dos textos herméticos, o leitor percebera que Hermes Trismegistos nunca escreveu nenhum dos tratados ou, no mínimo, e um autor teórico idealizado pelo leitor, que só existe na estratégia de leitura performativa entre o leitor e o texto. O verdadeiro autor histórico utilizou um disfarce autoritativo, e dessa forma a personagem fictícia passou a assumir uma projeção por sua mitificação como autor da obra. Tudo isso ocorre para justificar a autoridade de Hermes como autor, inventor e iniciador de várias artes e ciências.

Ver todos os títulos
Avaliações (0)
Ainda não foi efectuada nenhuma avaliação!